Notícia

Evento

sexta, 06 de novembro de 2015
2º Compra Araucária está sendo realizado no Parque Cachoeira

Com o objetivo de aproximar e gerar negócios entre as micro e pequenas empresas de Araucária com grandes indústrias e também com o poder público, Araucária realiza hoje a segunda edição do programa Compra Araucária. O evento está sendo realizado no Ginásio Joval de Paula Souza, no Parque Cachoeira e tem recebido um público bastante expressivo.

A abertura oficial foi realizada às 9h e contou com a presença de diversas autoridades, além de empresários locais e representantes da indústria. O Programa é realizado por meio de uma parceria entre a Prefeitura de Araucária e o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio a Micro e Pequenas Empresas).

Logo na abertura, a gestora da área de ambiente de negócios do Sebrae, Juliana Schvrenger, revelou dados de uma pesquisa realizada recentemente pelo próprio Sebrae apontando que em 2013 o serviço público de Araucária (Câmara, Prefeitura e Fundo de Previdência) comprou, aproximadamente, R$ 142 milhões. Desse total, apenas 15% foi fornecido por empresas locais.

“O objetivo desse encontro é justamente oportunizar que as nossas empresas locais possam se tornar fornecedoras dos grandes compradores da cidade por meio de licitações. Precisamos conhecer melhor o que temos em Araucária”, disse o diretor presidente da Codar (Companhia de Desenvolvimento de Araucária), Marco Antonio Ozório.

Ainda segundo ele, considerando apenas o que as empresas âncoras que estão participando do Compra Araucária, como a Petrobras, por exemplo, investem, o valor é de R$ 1,4 bilhões. “Temos que trabalhar para que grande parte desse valor fique dentro do nosso município”, enfatizou.

O presidente da Aciaa (Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Araucária), Carlos do Vale, destacou a importância do evento. “Enfrentamos várias dificuldades no ambiente de negócios. Porém, as oportunidades existem e os empresários precisam perceber isso. O município tem que comprar e as empresas locais podem fornecer. Então é fundamental oportunizar um encontro como este para que isso ocorra”.

Fanny Bussato, presidente da Aeciar (Associação as Empresas da Cidade Industrial de Araucária), também elogiou a iniciativa. “Araucária está de parabéns, afinal este é um movimento que trás crescimento a todos”, declarou.

Representando o prefeito Olizandro Ferreira, o secretário municipal de Governo, Ronaldo Martins, destacou a preocupação do município em incentivar o desenvolvimento das empresas locais. “Temos realizado uma série de ações e projetos, por meio da Codar, com esse objetivo. A visão da administração é exatamente de oportunizar o crescimento das empresas locais para que, desta forma, a cidade também se desenvolva”, explicou.

A microempresária, Silvana Darc, disse que não participou da primeira edição do evento, porém dessa vez não quis perder a oportunidade. “Eu já conversei com o pessoal da AAM do Brasil, da Petrobras e de várias outras grandes empresas. Se não fosse esse encontro eu acho que seria bem difícil ter a chance de sentar frente a frente com esse pessoal e falar assim com tanta tranquilidade. Acho que vou sair daqui com bons negócios engatilhados”.
Além da presença de diversas empresas e indústrias nos standes, o programa também oportunizou uma série de palestras ao longo do dia para os interessados, incluindo uma ministrada pelo diretor da escola de gestão pública do TCE-PR (Tribunal de Contas do Estado do Paraná), Rodrigo Damasceno, sobre a estrutura e procedimentos do Tribunal.

Fonte: Portal Araucária